Início

Share

Calmaria

“Embora os altares idólatras não tenham sido eliminados de Israel, o coração de Asa foi totalmente dedicado ao Senhor durante toda a sua vida.” 2 Crônicas 15.17 (NTLH)

Deus estará conosco sempre que estivermos com Ele, e sabemos o que é estar com Deus em dias de tormentos e aflições, quando então clamamos por Ele em desespero. Mas e quando tudo vai bem? Se estamos vivendo um destes períodos de calmaria, descanso e tranquilidade, lembremo-nos de que o Senhor nos concede tais pausas para que nos preparemos para os desafios que virão. Então hoje procuremos nos fortalecer nEle, edificando-nos pelo estudo da Palavra, e contritos em oração adorando-O, louvando-O e renovando nosso amor por Jesus Cristo no nosso cotidiano.

0
0

Domínio Sobre os Pensamentos

“… Deus não quer que nós vivamos em desordem e sim em paz.” 1 Coríntios 14.33 (NTLH)

O Senhor é um Deus de ordem, enquanto satanás é o promotor de toda a confusão, caos e discórdia que há no mundo. Por isso Deus deseja que tenhamos boa organização – tanto na mente quanto nos ambientes em que estivermos – pois isto contribuirá para a nossa paz. Neste dia procuremos ter domínio sobre nossos pensamentos, permitindo que só Deus os controle, e assim o diabo não conseguirá exercer nenhuma influência nefasta; e roguemos ao Senhor que governe nossa existência em todos os sentidos e circunstâncias, para que vivamos imersos na paz de Cristo que excede todo o entendimento!

0
0

Restauração

“Cristo é a semelhança perfeita do Deus invisível. Ele já existia antes de Deus criar qualquer coisa, e, de fato, o próprio Cristo é o Criador que fez tudo no céu e na terra, as coisas que podemos ver e as que não podemos; o mundo espiritual com seus reis e reinos, seus governantes e suas autoridades: todos foram feitos por Cristo para seu próprio proveito e glória.” Colossenses 1.15-16 (Bíblia Viva)

No Filho contemplamos o Pai, que em Jesus pode ser visto, ouvido, conhecido e compreendido. Também fomos criados à imagem de Deus, porém ela foi distorcida pela desobediência, então Jesus veio para devolver-nos a identidade original, na cruz resgatando-nos do poder do pecado, da morte e do inferno. Consultemos hoje o nosso coração: desejamos efetivamente ter a imagem de Deus restaurada em nós? Estamos dispostos a aceitar toda a transformação que o Espírito Santo precisar realizar em nós para a glória de Cristo?

0
0