Mensagens

Share

ALÉM DE TODO ENTENDIMENTO

Até quando, SENHOR? Esquecer-te-ás de mim para sempre? Até quando ocultarás de mim o rosto?” Salmos 13.1 (ARA)

 

 

Talvez hoje estejamos passando por momentos difíceis, nossa tribulação pareça infindável, e clamamos como Davi: até quando, Senhor? Mas lembrando-nos das inesgotáveis bênçãos que têm sido derramadas sobre nós ao longo de nossa jornada terreal, vem-nos a certeza de que temos um Pai celestial que se importa conosco, que deseja participar das nossas lutas, que nos entende e se compadece de nós. Os dias de sofrimento podem parecer intermináveis, mas como Davi, sabemos que é possível cantar em meio às provações, pois somos filhos do Deus que nos ama além de todo o entendimento!

0
0

AÍ ESTÁ A IGREJA!

“Não vi templo algum na cidade, pois o Senhor Deus todo-poderoso e o Cordeiro são o seu templo.”  Apocalipse 21.22 (NVI)

 

 

A Jerusalém celestial, a cidade onde um dia pela graça de Deus viveremos, terá uma característica única: não existirá um lugar separado para cultuá-Lo, será ela mesma o Templo de Deus, porque nela Deus e o Cordeiro estarão presentes de forma perfeita, permanente e absoluta. Tenhamos hoje claro que a Igreja não se resume aos seus edifícios, à sua denominação ou à sua liturgia, pois somente a presença de Deus e a de Jesus pode caracterizar como Corpo de Cristo um grupo humano devotado ao Criador: onde Deus está, aí está a Igreja; onde Jesus Cristo está, aí está a Igreja!

0
0

MÃOS

“Quem a si mesmo se exaltar será humilhado; e quem a si mesmo se humilhar será exaltado.” Mateus 23.12 (ARA)

 

 

 

Que neste dia tenhamos bem firmado em nossos corações que a glória própria, que esvazia e invalida qualquer serviço cristão, não pode fazer parte de nossas atitudes. Jamais podemos afirmar presunçosamente, com relação a um ministério, que “isso fui eu que fiz”, porque tudo vem de Deus, que nos concede o privilégio de sermos usados para que Ele alcance outros para a Sua glória. Nossas ações só poderão vir a receber recompensa caso não visem qualquer recompensa, por isso lembremos o que Jesus nos ensinou em Mateus 6.3 (ARA): “… ignore a tua mão esquerda o que faz a tua mão direita”.

0
0