janeiro 2019

Perseverança, Paciência e Alegria

“… sendo fortalecidos com todo o poder, de acordo com a força da sua glória, para que tenham toda a perseverança e paciência com alegria, dando graças ao Pai, que nos tornou dignos de participar da herança dos santos no reino da luz.” Colossenses 1.11-12 (NVI)

Nesta epístola aos crentes de Colossos, Paulo faz uma prece para que lhes sejam concedidos três grandes dons que são também indispensáveis para nós nos dias atuais, para que vivamos “… de modo digno do Senhor, para o Seu inteiro agrado, frutificando em toda a boa obra, e crescendo no pleno conhecimento de Deus…”: perseverança, paciência e alegria. Oremos neste dia dando graças ao Senhor, rogando que nos mantenha firmes na rocha que é Cristo, dê-nos paciência em cada circunstância que enfrentarmos, e encha-nos o coração com uma alegria da qual nada nem ninguém pode nos despojar!

Share
0
0

A Porta do Coração

“Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele, comigo.” Apocalipse 3.20 (ARA)

Jesus nesta passagem compôs uma das mais belas imagens de todo o Novo Testamento, ao rogar, numa incrível expressão de amor por nós, que abramos a porta de nossos corações para deixá-Lo entrar, pois o Cristianismo é a única religião em que, ao invés do homem buscar a Deus, é este que toma a iniciativa e sai à procura até daquele que não deseja recebê-lO. Lembremos hoje que somos senhores de nosso próprio coração, e só nós temos a chave para abri-lo, uma vez que sua porta só abre pelo lado de dentro, e aqueles que se recusam a deixar Cristo entrar estão cegos de sua própria bem-aventurança!

Share
0
0

Perda e Ganho

“No passado, todas essas coisas valiam muito para mim; mas agora, por causa de Cristo, considero que não têm nenhum valor. E não somente essas coisas, mas considero tudo uma completa perda, comparado com aquilo que tem muito mais valor, isto é, conhecer completamente Cristo Jesus, o meu Senhor. Eu joguei tudo fora como se fosse lixo, a fim de poder ganhar a Cristo.” Filipenses 3.7-8 (NTLH)

Muitos acham que para ser cristão basta Ir à igreja, viver uma vida reta e crer no credo apostólico. Tudo isto é importante, porém não representa a centralidade de Cristo, expressa nas palavras de Paulo. Para ele certas coisas tinham sido importantes – descendência, linhagem, educação, cultura, zelo religioso, justiça legalista – mas um único nome, Cristo, transformou-as em completa perda. Por mais bem-sucedidos que tenhamos sido no passado, o tempo sem Cristo foi vão, assim, que fique gravado hoje e para sempre em nossos corações que Cristianismo é Cristo, é conhecer a Cristo é ganhar a Cristo!

Share
0
0